O Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR oferece, nos dias 18, 25 de outubro e 1º de novembro de 2017, o curso de extensão universitária “Lugares das memórias contadas: Indígenas, Território, museus, objetos e musealização”, ministrado pelo Dr. Josué Carvalho, professor do Programa de Pós-Graduação em Museologia-USP. O curso acontece na Reitoria da UFPR das 18h às 22h no Auditório da Biblioteca de Humanas da UFPR, no Prédio Dom Pedro I, no centro de Curitiba.

Entre os assuntos abordados, o curso trará discussões sobre as apropriações nativas do conceito de museu, e também sobre os desafios, no campo da Museologia, relativos à constituição de museus com o outro — especificamente com aquele de quem se fala nos chamados “processos de curadoria compartilhada”. Trata-se, assim, de pensar os museus “com” e “para” os povos indígenas. O objetivo é se aproximar da perspectiva indígena sobre quais são as relações possíveis com os museus, e sobre o que da sua cultura é passível de musealização.

Com carga horária de 12h, o curso é dividido em três encontros que acontecem em três quarta-feiras consecutivas. No primeiro dia pretende-se apresentar uma contextualização sobre os museus indígenas no sul do Brasil atual. No dia 25 será realizada uma discussão acerca da apropriação indígena dos museus e os processos de curadoria compartilhada. No último dia, em 1º de novembro, está prevista uma discussão de textos acadêmicos sobre memórias, museus e antropologia, à luz das concepções indígenas de museus.

A inscrição para o curso é gratuita e deve ser feita até às 23h59min do dia 17 de outubro pelo link bit.ly/lugaresmemorias-mae-ufpr e seus participantes com 80% de presença receberão certificado.

Serviço:

Curso de Extensão “Lugares das memórias contadas: Indígenas, Território, museus, objetos e musealização”

QUANDO: 18, 25 de outubro e 1º de novembro | ONDE: Reitoria da UFPR – Rua General Carneiro, 442 – Centro – Curitiba – Auditório da Biblioteca de Humanas da UFPR, no Prédio Dom Pedro I (acesso pela biblioteca, no 2º andar do prédio).| INSCRIÇÕES GRATUITAS: http://bit.ly/lugaresmemorias-mae-ufpr .

 


Programação (sujeita a alterações – última atualização: 17/03/2017):

14/03/17 | Paulo Renato Guérios

Antropologia, ciência e engajamento: José Loureiro Fernandes e os sentidos da atividade intelectual

21/03/17 | Magda Mascarello

O Barracão e a Rua: experiências e práticas políticas de catadores de materiais recicláveis em Curitiba – PR

28/03/17 | Bárbara Bueno Furquim

Museus e Antropologia: um diálogo aberto

04/04/17 | Victor Hugo Oliveira

O nó que não desata: estudo de trajetória e a reflexão antropológica

11/04/17 | Patrícia Carvalho Rosa

Do tabu do incesto ao da homossexualidade: regimes transformacionais indígenas e os sentidos plurais ao “sexo malfeito”

18/04/17 | Josiéli Andréa Spenassatto

Os lados da mistura: Desafios da coabitação e dos intercasamentos na Terra Indígena São Jerônimo (PR/Brasil)

25/04/17 | Sara Guerreiro Parada

Arte e alteridade: a experiência artística de Antonin Artaud

02/05/17 | Bruno Campos Cardoso

O chão onde se senta, o lugar onde se pisa: Etnografia das técnicas do corpo em eventos do budismo tibetano

09/05/17 | Marcos Silva da Silveira

Negociações e Identidades: em torno de relações étnico-raciais a partir das cotas raciais no vestibular da UFPR

16/05/17 | Fábio Parenti

Povoamento dos continentes: a primeira expansão humana fora da África e as pesquisas no vale do Zarqa, Jordânia

23/05/17 | Fernanda Moraes Azeredo

História da ciência, gênero e conjugalidade

30/05/17 | Victor Castillo de Macedo

Antropologia e ‘Colonialismos’: de campos de batalha a campos de pesquisa

06/06/17 | André Marega Pinhel

Elites negras no contexto pós ações afirmativas: estudo comparado da cidade de Salvador e Curitiba

13/06/17 | Lorenzo Macagno

Para que serve a antropologia?

 

 

Cursos e eventos anteriores

 

curso extensão desenho

Salvar