Cultura Material e Gênero no Mundo Antigo

As pesquisas desenvolvidas nessa linha partilham da preocupação em expandir o uso das fontes para o estudo do mundo antigo, sobretudo aquelas relacionadas à cultura material, tendo nos estudos de gênero seu foco temático maior. Essas pesquisas se situam entre a contribuição da cultura material como evidência independente e capaz de produzir discursos próprios acerca do passado e a sua articulação com a produção textual.

Identidade Nacional e Revisitação dos Clássicos

As pesquisas desenvolvidas nessa linha partilham da preocupação em repensar conceitos/modelos empregados para o estudo da Antiguidade, considerando o fato de que muitos deles foram elaborados nos séculos XVIII e XIX e estabeleceram visões que se consagraram na posteridade.Tratam das relações da história da disciplina e sua ligação indissociável das identidades nacionais e, também, da ligação dos historiadores desse domínio com questões relacionadas ao Estado e diferentes outras instituições.